Notícias

Senador do PSB deve propor comissão para discutir reforma política e o 3º mandato

04/04/2008 | 2029 pessoas já leram esta notícia. | 13 usuário(s) ON-line nesta página

Apesar de ser contrário à idéia do terceiro mandato do presidente Lula, o senador Renato Casagrande (PSB) pode dar mais um argumento para os defensores da idéia.

Ele prometeu apresentar hoje um requerimento pedindo a instalação de uma comissão mista para analisar uma proposta de reforma política.

O deputado Devanir Ribeiro (PT), maior defensor de mais um mandato para Lula, afirmou que quer participar da comissão e que ela pode ser o "canal inicial para um debate profundo sobre seu projeto".

Apesar de negar que seja esse o intuito da comissão, Casagrande admite que o terceiro mandado possa surgir na pauta. "Não podemos ter o objetivo de abranger todos os pontos, mas alguns acredito que devam entrar, como por exemplo, a reeleição e o voto em lista."

Com a promessa de apresentar na semana que vem uma PEC (proposta de emenda constitucional) que permita o terceiro mandato de Lula, Devanir ganha espaço. O deputado Francisco Praciano (PT), por exemplo, acredita que seu partido, que hoje diz majoritariamente ser contrário à idéia, futuramente mudaria de lado.

Praciano crê que Lula poderia ficar mais tempo no poder caso um plebiscito seja aprovado. "O PT diz que não quer, mas, se tivesse a idéia do plebiscito, acho que o partido apoiaria e o povo também", diz. "Mas se isso gerar instabilidade política acho que não vale a pena."

Questionado, o futuro presidente do STF, Gilmar Mendes, disse acreditar que uma vez em pauta, o assunto deve invariavelmente chegar ao tribunal. "Certamente, se houver uma discussão a respeito, haverá discussão no Supremo Tribunal Federal." Ele disse que um tema como esse envolve os três Poderes.

Fonte Folha de S.Paulo